Entrevista com o autor Altamir Costa


A entrevista é com o autor Altamir Costa, ele já participou de seis antologias: Filhos da Musa, Poetas da Inde, As Faces do Amor, A Roda dos Signos, Reino da Poesia e Crônicas & Poesias de Maricá. Ele é membro da Academia Internacional de Literatura Lusófona –AILL

e da Academia Internacional de Literatura Brasileira – AILB.


Quem é Altamir Costa? O que podemos esperar em suas histórias?

Altamir Costa é um poeta....um poeta romântico, que poetiza naquele amor de sonho e pureza plena entre duas pessoas......pensa em se aventurar num romance, mas ainda não é o momento.


Qual foi a sua maior inspiração no começo da escrita?

Tenho alguém que me inspira muito....quase tudo que escrevo tem muito do que penso nela.


Quando percebeu que escrever era o que mais te alegrava?

Escrever sempre me fez muito bem.


Se você ficasse presa(o) numa ilha e pudesse escolher três livros, quais seriam?

"Cem anos de solidão", "A noite dos tempos" e "Robson Crusoé".


Qual foi o livro que marcou seu 2020?

"O peso do pássaro morto" da Aline Bei.


Na sua biblioteca não podem faltar quais gêneros?

Poesia, ficção, romance e alguma filosofia.


Qual o personagem mais engraçado que você já leu?

Uma personagem do livro "A elegância do ouriço", a maneira séria e cínica dela diante das situações com um humor inteligente e engraçado.


Tem algum livro que você pensa “poxa, gostaria de ter escrito”?

Sim, "A noite dos tempos".


Já se decepcionou com algum final?

Alguns finais de alguns livros do Nicholas Sparks.


Qual livro desperta memórias de sua infância? Por que?

Os livros de aventuras, livros de piratas, astronautas, exploradores, etc. Porque minhas brincadeiras tinham muito disso, de imaginar aventuras incríveis.


Se você pudesse reescrever um livro, mudando algumas ou muitas coisas, qual seria e o que mudaria?

Acho que não reescreveria nenhum... não mudaria nada, apesar de muitas vezes acharmos que determinado personagem merecia esse ou aquele final....penso que quando um autor escreve e provoca aquela emoção em você, se você mudar, vai estar satisfazendo sua vontade, e desmerecendo o gosto ou a vontade daquele outro que gostou do jeito que a história foi escrita. Acho que ficaria muito sem sentindo escolher um final que agrade somente a você.


Momento viagem no tempo, qual livro você indicaria para o seu eu do passado? Hummmm... indicaria o mesmo que me fez ter acesso muitas questões da sociedade, do ser humano, do egoísmo, da política, do sonho e do amor... "A noite dos tempos", de René Barjavel


Qual a sua expectativa para a Sevai 2021?

Maior alcance e visibilidade, e debates esclarecedores para os novos autores participantes, como foi pra nós no ano passado.


Você pode acompanhar o trabalho de Altamir em seu Instagram.


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo