Entrevista com a autora Cris Ávila


Cris Ávila mora no Rio de Janeiro. Inquieta, tudo é motivo para escorregar da mente e transcrever, poeticamente, com a ponta dos dedos. Possui dois livros: "Você é Poema Delícias do Cotidiano" e "Temperos Poéticos", além várias participações. Ela é voluntária do projeto “Histórias por Telefone” da Secretaria de Estado de Cultura. Colunista dos Jornais: “Nosso Bairro Jacarepaguá” e “ Vai Paraty”. É também idealizadora dos projetos: Projeto Poesia, um presente!; Dando Vozes e Conversa de Versos. Descubra mais sobre ela a seguir.


Quem é Cris Ávila? O que podemos esperar em suas histórias?

Cris Ávila é pura poesia, tudo é motivo para transformar em poesias. Podem esperar de meus poemas e delicadeza de transformar em palavras escritas um cotidiano cheio de fantasias e amor.


Qual foi a sua maior inspiração no começo da escrita?

O cotidiano.


Quando percebeu que escrever era o que mais te alegrava?

Quando alguém leu meu texto e falou: tá ai, mexeu comigo. Vivi nele.


Se você ficasse presa numa ilha e pudesse escolher três livros, quais seriam?

"O Evangelho Segundo o Espiritismo", Allan Kardec.

"A Cabana".

"Renovando Atitudes".


Qual foi o livro que marcou seu 2020?

“Experiências de Escrevivências” Poesias que nasceram na Pandemia


Se tivesse que escolher um livro pela capa, qual seria?

Seria aquele que, ao olhar, me convidasse a degustá-lo. No momento nenhum específico e sim todos com características que chamem minha atenção.


Se pudesse transformar um livro em filme, qual seria?

Um livro infantil que estou escrevendo.


Qual autor(a) independente você indicaria hoje sem pensar duas vezes?

Bruno Black.


O que fazer quando no meio da leitura você percebe que o livro é chato?

Guardo ele.


Qual a maior vantagem de ser um autor independente?

Ter liberdade de escolha.


Na sua biblioteca não podem faltar quais gêneros?

Religioso, poesia, romance.


Já teve dificuldade em encontrar um final para alguma história que escreveu? Se sim, como resolveu?

Demorei 2 anos para dar um fim a uma história que escrevi. Deixei o tempo dizer...


O que você mudaria no mercado literário hoje?

Valores dos livros, tudo é muito caro.


Já se decepcionou com algum final?

Várias vezes.


Qual a sua expectativa para a Sevai 2021?

Que nossas esperanças sejam renovadas sempre e que os autores nacionais tenham mais visibilidades.


Você pode acompanhar o trabalho de Cris em seu Instagram e encontrar seus livros na Amazon.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo